quinta-feira, abril 20, 2006

Para mim que também mereço




Flores lindas para encher de cor, perfume e alegria a minha noite e o meu soninho, porque eu vou ó-ó e nada mais me importa.

Quando amanhã acordar, pensarei no resto. Se for inevitável.

3 comentários:

deprofundis disse...

Ora assim é que é. Premeie-se sempre que lhe apeteça. E faça mesmo alguns pecados de vez em quando. Há-os tão bons...

Teresa Frazão disse...

Sempre «mimo».
E sempre «maresia»
Sempre tudo o que nos ensinar a rir e a sorrir, mesmo quando «parece que não dá».E é que acaba por dar.
PS - Não sei se o Manel sabia da minha desarrumação. Mas não se queixa. Somos aí muito paralelos.
Os nossos filhos têm de ter muito cuidadinho com as gavetas... No meio de uns trapinhos, sabe-se lá o que vão encontrar.

Boa noite.
Boa noite mesmo

Anónimo disse...

Interesting site. Useful information. Bookmarked.
»