domingo, setembro 10, 2006

Água


Foi um email que eu recebi. Dizia que tinha que beber oito copos de água por dia, ou mais, se pretendia que o meu cérebro funcionasse bem. E agora, porque bebo realmente pouca água, penso sempre que as minhas ideias sufocam, por falta de água onde nadar. Dê-se-me portanto o devido desconto. Aí uns cinquenta por cento.

Entretanto trouxe o garrafão para o pé de mim, estou no caminho de resolver o problema... :)

5 comentários:

deprofundis disse...

Mas a melhor água não e a do Luso nem a das Pedras. É a água-pé. Vá por mim. Bem fresquinha é uma delícia. e até ajuda a adormecer...

Dulce disse...

:)
Que saudades duma boa água-pé, Fernando! Com umas castanhas assadas e muita folia.

Olga Correia disse...

Essa do garrafão está boa!
Acho que também vou precisar de um...
:)

zeni disse...

Vim agradecer a visita. Volta sempre!

Xuinha Foguetão disse...

Esses copinhos de água fazem bem a muita coisa.

Mas se intercalares esses copinhos de água com um ou outro de caipirinha, vais ver a vida muito mais colorida! ;)

Beijocas grandes.